Anúncio
Saúde

Temperatura normal do corpo humano está diminuindo, diz pesquisa

ão é seu coração gelado: explicação passa pelos avanços da medicina e a diminuição de doenças infecciosas nos últimos 100 anos

16/01/2020 12h33Atualizado há 2 meses
Por: Redacao

A temperatura média do corpo humano, normalmente, é de 37°C. Esta é a informação que consta em todos os livros de medicina e que foi determinada em 1851 depois de um médico alemão chamado Carl Wunderlich medir a temperatura de 25 mil pessoas várias vezes.

Porém, segundo um estudo publicado na revista Nature, esta temperatura está caindo.

Em 1992, um estudo com 148 pessoas definiu uma temperatura média como sendo de 36,8ºC. Em 2017, outra pesquisa feita com 35 mil pessoas na Inglaterra desceu a graduação ainda mais, encontrando uma média de 36,6ºC.

Segundo a professora Julie Personnet, da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, comparando os dados atuais com 83.900 temperaturas de veteranos da Guerra Civil Americana entre 1862 e 1930, pessoas mais jovens tendem a ter temperaturas menores.

Mulheres que nasceram na primeira década de 1910 tinham temperaturas 0,38ºC maiores do que a das nascidas no final dos anos 90, por exemplo. Em homens, a graduação sobe para 0,59ºC de diferença.

Para a especialista, a teoria é que as baixas taxas de infecções no mundo são responsáveis pela diminuição das temperaturas dos termômetros. “Se prestarmos atenção na maioria das pessoas no século 19, tenho certeza que todos tinham uma condição inflamatória crônica. A expectativa de vida era de 40 anos, todos tinham problemas nos dentes”, explica.

A epidemiologista Jill Waalen, que foi chamada pelo site eLife para analisar o estudo, acredita que a explicação de Personnet é “intrigante e plausível”. Ela afirma, entretanto, que a hipótese só poderia ser provada se existissem medições dos anos 1940, quando antibióticos foram introduzidos na saúde pública.

 

 

Com Metrópoles

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários