Anúncio
Cotidiano

Lavras: Van da prefeitura de Varginha foi flagrada trazendo pessoas em situação de rua para a cidade

Se isso for comprovado, é um desrespeito com estas pessoas e um ato antiético da Administração de Varginha com o Governo Municipal de Lavras, que não foi consultado se teria condições de acolhimento aqui

14/05/2020 19h40
Por: Redacao

Um veículo oficial da Prefeitura de Varginha foi flagrado em Lavras na tarde desta quinta-feira, dia 14, e a suspeita é de ele foi usado para trazer pessoas em situação de rua, possivelmente daquela cidade.

A placa da van era HLF-6801. O veículo, segundo informações da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Sinesp), é uma van Citroen/Jumper M33M, ano 2012, pertencente a Prefeitura Municipal de Varginha.

Se isso for comprovado, vai demonstrar a nova forma de agir da Administração daquela cidade: sem respeito algum pela dignidade destes moradores de rua, que foram tratados como se pessoas não fossem, sendo simplesmente colocados em uma van e "deixados" em outra cidade. Além disso, na época de pandemia que estamos vivendo, a locomoção entre cidades é totalmente desaconselhável, devendo ser feita somente em caso de estrita necessidade, o que torna um ato como este desrespeitoso com toda a população de Lavras. Vale lembrar que Varginha é hoje uma das cidades que mais concentram casos do novo coronavírus na região, e o deslocamento das pessoas ocorrido hoje pode representar também um perigo para a saúde pública. 

Atitudes assim não eram praticadas pelo ex-prefeito Antônio Silva de Varginha que renunciou recentemente, ele sempre respeitou os cidadãos de outas cidades.

Recentemente, um veículo também da prefeitura de Varginha foi visto soltando nas proximidades do trevo do bairro Gato Preto, cerca de 12 cães, as testemunhas não conseguiram registrar com fotografias e, por isso, este ato antiético não foi denunciado.

Mas desta vez, com as provas em mãos, o prefeito José Cherem determinou o registro de ocorrência na Polícia Militar.

Vale destacar que em Lavras, logo no início da pandemia, as pessoas em situação de rua foram acolhidas e abrigadas no Recanto São Tarcísio, numa parceria da Prefeitura de Lavras e a igreja Católica. O prefeito de Lavras passou o caso ocorrido hoje para o secretário de Desenvolvimento Social Aloísio Soares Júnior, que deverá tomar uma providência de forma humana e honesta, diferente da que provavelmente foi tomada hoje pela administração de Varginha.

 

 

 

 

 

 

Com Jornal de Lavras

1comentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários