Segunda, 19 de Outubro de 2020
35 99103-0502
Brasil Consignados

Reclamações explodem e governo decide olhar de perto o crédito consignado

Queixas de fraudes mais que dobram em 2020 e o governo deve anunciar medidas, como a criação de um ranking oficial das instituições campeãs de queixas

16/10/2020 12h19
Por: Redacao
Reclamações explodem e governo decide olhar de perto o crédito consignado

 Em meio ao crescimento explosivo das reclamações, os ministérios da Economia e da Justiça decidiram criar uma força-tarefa para combater fraudes e abusos nas operações de crédito consignado. A parceria, que deve ser oficializada hoje, integra a agenda do governo para atacar o problema do superendividamento da população. Entre as medidas previstas no trabalho estão a criação de um ranking oficial das instituições campeãs de queixas e uma campanha educativa de boas práticas.

 

Entre janeiro e julho deste ano, foram registradas na plataforma do governo 40.663 reclamações relacionadas ao consignado. O número é 127% maior do que o registrado em todo o ano de 2019, segundo levantamento da Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), ligada ao Ministério da Justiça. Se considerada apenas a faixa etária acima dos 60 anos, a alta é ainda mais expressiva, de 157%, no mesmo intervalo de comparação.

A aceleração no volume de reclamações é parcialmente explicada pelo aumento das operações de crédito consignado, que dobraram quando observado apenas o mês de julho, em relação ao mesmo mês de 2019. Nos sete primeiros meses deste ano, foram realizadas 11,1 milhões de operações, que somaram quase R$ 63 bilhões.

 

 

Com Jornal O Globo 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.