Terça, 20 de Outubro de 2020
35 99103-0502
Cidades CNEC

Lavras: Professor aposentado da CNEC quer reativar escola que foi fechada em junho

A CNEC já tem uma estrutura física que é considerada uma das melhores de Minas Gerais, a reativação da escola só depende agora de vontade política

16/10/2020 15h56
Por: Redacao
Lavras: Professor aposentado da CNEC quer reativar escola que foi fechada em junho

Em junho deste ano, os lavrenses foram surpreendidos com a notícia de que a CNEC (Campanha Nacional de Escolas da Comunidade) estava encerrando suas atividades depois de décadas se destacando no setor educacional e também no esporte, sobretudo na gestão de seu diretor Paulo Benjamin, o Capitão Paulo.

A notícia do encerramento das atividades daquela instituição de ensino deixou muita gente triste, e algumas pessoas se sentiram na obrigação de tentar impedir o fechamento da escola, e uma delas é o professor aposentado da CNEC, Geraldo Magela Ribeiro, que trabalhou por 33 anos naquele educandário.

Geraldo escreveu para o deputado Alexandre José dos Santos, presidente da Campanha Nacional de Escolas da Comunidade (CNEC) e expôs seu ponto de vista. O professor Geraldo sugeriu uma parceria entre a comunidade cenecista e o poder público, e ainda pediu um encontro entre o deputado diretor da CNEC e uma comissão de Lavras.

Sensibilizado com o problema, o dentista Ranieri Spuri já ofereceu ajuda, ele marcou uma audiência da comissão de reestruturação da CNEC com o deputado federal Domingos Sávio.

Geraldo espera agora que a sociedade lavrense se mobilize para que a CNEC volte a suas atividades. Ele também organizou uma petição com o intuito de recuperar a instituição de ensino, se você tem interesse que a CNEC continue ou simplesmente quer ajudar a cidade a manter aquele educandário, entre no Facebook de Geraldo Magela Ribeiro e deixe sua mensagem.

 

 

 

 

 

 

Com Jornal de Lavras

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.