Segunda, 01 de Março de 2021
35 99103-0502
Política Investigação

Lavras: Cidadãos pedem investigação e "chapa fica quente" para vereador

Estes pedidos de investigação é porque no dia da vacinação dos idosos de 90 anos o veerador foi fazer campanha politica para um determinado deputado federal que é apoiado por ele

22/02/2021 18h25 Atualizada há 7 dias
Por: Redacao
Lavras: Cidadãos pedem investigação e

Quatro cidadãos, Taísa de Pádua Alexandre, Paulo Vinícius de Carvalho Silva, Edgar Silva Arruda Barbosa e José Carlos Costa da Silva, protocolaram hoje segunda-feira(22/02) pedidos de investigação por parte da Câmara Municipal de Lavras, quanto a conduta do vereador e líder da prefeitura Jussara Menicucci de Oliveira, João Paulo Felizardo, no dia 11/02, no PS 17, Dona Wanda durante a realização de vacinação para idosos de 90 anos. Estes pedidos de investigação quanto a conduta do vereador líder da prefeita, é porque no dia da vacinação dos idosos, o dito político usando um veículo Kombi, personalizado com fotos suas, e onde se lia "gabinete móvel" foi usado pelo citado vereador para entregar material publicitário de um determinado deputado federal, conforme denuncia assinada pela cidadã Taísa de Pádua Alexandre. Em outra denúncia, essa assinada pelo Sr. Paulo Vinícius de Carvalho Silva, é citado o Decreto-Lei 201/67 "dispõe sobre crimes de responsabilidade de vereadores prevendo o art 7º causas para cassação de mandato pela própria Câmara, quando o vereador utilizar o mandato para praticar atos abusivos, improbidade administrativa, e/ou incompatíveis com a dignidade e decoro na sua conduta pública". A última denúncia protocolado no legislativo lavrense é assinado pelos senhores, Edgar Silva Arruda Barbosa e José Carlos Costa da Silva. Os dois alegam que a "suposta conduta do vereador (João Paulo Felizardo), deve ser avaliada pela comissão de ética e processante da Câmara Municipal de Lavras, tendo em vista a realização de uma suposta campanha extemporânea para o deputado ( Emidinho Madeira) supracitado e um suposto (provável) uso político de uma ação  da prefeitura, qual seja a vacinação da população. Tal conduta deve ser alvo de investigação por parte dessa importante comissão da Câmara. Para apuração dessa possível irregularidade pedimos a abertura de uma Comissão Processante para verificar se é cabível a aplicação das penas do Decreto-Lei 211/67". É a primeira vez, que cidadãos protocolam denúncias na Câmara Municipal de Lavras, contra um vereador e enumera os possíveis crimes praticados e os caminhos a serem seguidos casos as denúncias sejam aceitas pelos vereadores. Essa inciativa, será uma boa oportunidade para que o eleitorado da cidade veja como vão se comportar diante dessas denúncias os vereadores Antônio Claret dos Santos, que na legislatura passada por qualquer fato evocava a necessidade de instalar CPI. Aliás, ele, também não assinou o pedido de instalação da CPI do Fura Fila. Também é aguardado com bastante interesse os posicionamentos dos vereadores Dr. Lauro Mesquita (PSL), advogado brilhante e a vereadora Ana Paula Arruda, também do PSL, que é delegada de polícia civil. Os dois também não assinaram o pedido de CPI do Fura Fila. Essa atitude do vereador João Paulo Felizardo, de usar o momento de vacinar os idosos para fazer campanha política para o deputado Emidinho Madeira, repercutiu negativamente para o político que ele apoia. Em redes sociais, as postagens pregavam abertamente que os lavrenses não votem no deputado, e culpando o vereador, pelos idosos se recusarem a tomar a vacina, já que ficaram a assustado com a abordagem feita em voz alta pelo político. Agora, é aguardar qual atitude será tomada pelos vereadores diante dessas denúncias protocolados na secretária da Câmara Municipal. Uma coisa, ficou bem claro, o povo agora está mais confiantes em seus direitos, e sabe que além da Câmara Municipal pode recorrer ao Ministério Público, em busca daquilo que ele considera como "ferrramenta" certa moralizar a politica. Uma coisa nos resta fazer, além de dar ampla publicidade a essa louvável inciativa, é desejar  que estes  exemplos frutifique, é o nosso sincero desejo!!!! 

Click para aumentar
Click para aumentar

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Click para aumentar

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

N da R

Flagrou algo ? Problemas no seu bairro? Problemas com os serviços oferecidos pelo poder público? Envie sua informação, foto ou vídeo, que vamos transformar sua história em notícia. Você pode mandar sua denúncia ou sugestão de pauta para o WhatsApp do Mirante da Bocaina, (35) 99103-0502.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.