Terça, 13 de Abril de 2021
35 99103-0502
Política CPI

Lavras: Vereador promete emprego para marido não arruma, e mulher denuncia

Essa denúncia soma a outra ação que corre na justiça no mesmo sentido contra o vereador Coronel Antônio Claret dos Santos

28/02/2021 08h05 Atualizada há 1 mês
Por: Redacao
Lavras: Vereador promete emprego para marido não arruma, e mulher denuncia

Uma postagem feita durante nessa madrugada de domingo 28/02, no Facebook no Grupo Reclame Lavras (Original) está repercutindo em toda a cidade, por causa da denuncia feita. Na postagem a senhora Diana Oliveira, diz textualmente que o Ten. Claret prometeu emprego para o seu marido na prefeitura. Ela para ser bem clara, ainda coloca que ele se chama Wellington Gomes dos Santos, mecânico. Assim que ela fez a postagem, centenas de internautas não deixaram barato e comentaram que isso nada mais é do que a famosa compra de votos. O mais interessante é que o tal tenente, que teria prometido emprego ao marido da internauta seria o vereador coronel Antônio Claret dos Santos. Como ela, não é familiarizada com as nomenclaturas do meio militar ela se refere a ele como tenente quando, na verdade, ele é coronel da PMMG na reserva. Outro detalhe tem chamado a atenção, o vereador na legislatura passada por qualquer motivo, pedia instalação de CPI. Essa denuncia de compras de votos, da senhora Diana Oliveira é um bom motivo para ele pedir uma. Na justiça, já foi protocolado recentemente contra o vereador Coronel Claret, uma ação de impugnação de mandato eletivo por eventual crime praticado de compra de votos, por causa de centenas de canecas de chopp  que ele distribuiu durante a campanha politica do ano passado, e também por usar uma máscara de proteção com propaganda política  dele, durante as reuniões do legislativo transmitidas pela TV Câmara. Como podem ver, na justiça já existe algo no mesmo sentido da denuncia da internauta. A Câmara Municipal, deve fazer,  como fez com o vereador Ti Aílton pelo mesmo motivo, e abrir uma CPI urgente. Não é possível, que sobre essa nova legislatura comece com suspeitas de compras de votos, levando os atuais vereadores aos descrédito. Como lá tem atualmente militar, delegada, advogados, professores, empresários, profissionais liberais e toda representação social da comunidade, é interessante enviar um recado bem claro a população, que essa Câmara Municipal vai cortar na própria carne, se necessário for. Será que este recado pode ser enviado? Uma coisa tem intrigado quem conhece a política de Lavras, com essa denúncia. Até onde se sabe, o vereador que está sendo acusado de compra de votos teria apoiado a candidata Dâmina Pereira, agora essa postagem fala em emprego na prefeitura, que não saiu até agora. Uai, então ele!!!! Outra coisa, a função do vereador é fiscalizar o executivo não fazer da prefeitura um empregador!!! Isso é caso para o Ministério Público apurar. Lembrando, que essa noticia já é uma denuncia. Vamos aguardar. O Mirante da Bocaina, tem compromisso com a verdade, por isso, o espaço está aberto ao contraditório, mas sem demagogia!

 

Click para aumentar

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

J. Paulo

Editor

JPMTE/MG 06755

 

 

 

Por Coletivo de Imprensa Livre

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.