Sexta, 14 de Maio de 2021
35 99103-0502
Polícia Prisão

Mãe de Henry foi recebida com coro de “vai morrer” na prisão

Desde que foi presa, Monique estaria intercalando momentos de choro com gritos. Laudo da necrópsia mostra que Henry já estaria morto quando aparece no colo da mãe no elevador do prédio, ao ser levado ao hospital

12/04/2021 10h01
Por: Redacao
Henry Borel, Jairinho e Monique Medeiros (Montagem)
Henry Borel, Jairinho e Monique Medeiros (Montagem)

Isolada em uma cela por 14 dias após ter sua prisão decretada na última quinta-feira (8), a professora Monique Medeiros, mãe de Henry Borel, foi recebida com um coro de outras detentas, que gritavam: “Uh, vai morrer”, no Instituto Penal Ismael Sirieiro, em Niterói, no Rio de Janeiro. A revista Fórum, traz a rotina no presísio dessa mãe que está jurada de morte. Clique aqui, para saber mais.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.